Pular para o conteúdo principal

Anúncio

Narciso

Narciso, um jovem cuja beleza era admirada por todos, era filho do deus Cefiso e da ninfa Liríope. Quando nasceu, um oráculo alertou a mãe que  o filho nunca poderia ver sua beleza, pois poderia se apaixonar por si mesmo.
À medida que crescia a beleza do menino era ainda maior, a ponto de desperta a paixão na ninfa eco. Porém o jovem Narciso, que era egoísta e cheio de si mesmo, não a considerou. Eco ficou tão furiosa que lançou uma maldição em Narciso: o jovem iria ver sua imagem em um lago e ficaria tão aficionado por sua beleza, que ficaria ali inebriado e morreria.
Narciso mergulhou em sua própria imagem na tentativa de alcançá-la e morreu afogado. No lugar onde morreu nasceu um lindo narciso (flor), reza o mito que o belo jovem se transformara nessa linda flor para que sua beleza fosse eternizada. (Resumo produzido por Rosilene A Carvalho)
Este mito inspirou Caravaggio a produzir NarcisoEste grande pintor viveu entre 1571 e 1610, foi um pintor italiano, o mais revolucionário artista do Barroco, reconhecido pela grande expressividade de suas obras e pelo espetacular contraste entre luz e sombra.
Pintura óleo sobre tela de Michelangelo Caravaggio, Narciso, de 1597
"O quadro foi pintado no início da carreira de Caravaggio em Roma, e só foi redescoberto no século 20, pelo historiador Roberto Longhi em 1916, apenas dois anos antes do ensaio de Freud “Sobre o narcisismo”, que define o conceito psicanalítico como organizador do ego. O artista utiliza o efeito claro-escuro (chiaroscuro) para apresentar o personagem iluminado por um refletor de palco que mostra o que devemos ver, o restante é um bloco negro sobre as costas do personagem, refletido mais abaixo em tons lavados." (MARTINS, 2019)
Entenda um pouco mais da vida e técnica do pintor, Veja:


Que tal se inspirar em Caravaggio e criar o seu Narciso? crie uma história adaptada para os dias atuais, faça uma releitura da pintura. Seu personagem protagonista será o Narciso de Caravaggio. Pense: será que poderia reconhecer hoje em dia pessoas com esse perfil? Construa sua história em torno deste personagem. Seja criativo, não use nomes de pessoas reais do seu convívio. Depois, poste aqui nos comentários a sua história.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Canto de um Jardim

  Canto de um jardim   Jeane Beatriz Macedo Pacheco Antunes de Carvalho

Aninha e suas pedras

Aninha e suas pedras Cora Coralina (1889-1985) Não te deixes destruir… Ajuntando novas pedras e construindo novos poemas. Recria tua vida, sempre, sempre. Remove pedras e planta roseiras e faz doces. Recomeça. Faz de tua vida mesquinha um poema. E viverás no coração dos jovens e na memória das gerações que hão de vir. Esta fonte é para uso de todos os sedentos. Toma a tua parte. Vem a estas páginas e não entraves seu uso aos que têm sede. Ouça Cora